ESTÁ CASADA COM UM PORTUGUÊS E FOI ELEITA DEPUTADA ESTADUAL EM NEW HAMPSHIRE

140

Por HENRIQUE MANO | Jornal LUSO-AMERICANO

Nas eleições do passado dia 3 de Março, a democrata Kathleen Martins conseguiu conquistar para a bancada do partido democrata mais um Distrito Eleitoral na Assembleia Legislativa do estado de New Hampshire. A sua vitória nas eleições especiais para substituir o deputado Dick Marple, que faleceu em Dezembro de 2019, foi notícia pelo facto de a nova legisladora ter vencido num Distrito que estava desde 2004 em mãos republicanas.

A vitória de Martins aumenta para 234 o número de democratas na Assembleia Legislativa de New Hampshire, onde já tinha confortável maioria.

FOTO: Facebook de Kathleen Martins
A agora legisladora-eleita em campanha

A legisladora vai cumprir o resto do mandato durante alguns meses e em Novembro próximo terá de se submeter novamente ao escrutínio popular.

Contactada telefonicamente pelo jornal LUSO-AMERICANO, Kathleen Martins explicou o seu apelido português: “O meu marido, Germano Martins, é cidadão português e nasceu no Ceará, Brasil, para onde o meu sogro – o comendador Armando da Silva Martins – emigrou na década de 50.”

O patriarca Martins, natural de Sacavém, Distrito de Lisboa, emigrou mais precisamente em 1947 para Fortaleza, “depois de ter resistido a ditadura” salazarista em Portugal, refere Kathleen Martins. De acordo com o ‘Diário do Nordeste’, o imigrante “foi técnico de registro do comércio da Junta Comercial do Ceará e actuou como assessor do Governo do Estado em várias gestões.” O seu papel de proeminência valeu-lhe mesmo, em 1985, a Comenda do Infante Dom Henrique, “em reconhecimento à sua longa vida der aproximação entre Portugal e o Brasil” – acrescenta e legisladora-eleita.

O símbolo do Estado de New Hampshire, na Nova Inglaterra: o 5.º mais pequeno em área dos Estados Unidos

A legisladora tem família em Portugal, incluindo a cunhada, e esteve no país há alguns anos, passando por Lisboa e pelo Porto.

Natural de New Hampshire, diz que faz um esforço para aprender a falar o idioma do marido. “Sei cozinhar alguns pratos e, quando vou a um restaurante, consigo encomendar algumas coisas em português”, revela.

Kathleen Martins concorreu pela primeira vez em 2018; não tendo sido eleita, voltou a submeter-se ao voto popular em Março deste ano, quando as eleições especiais foram convocadas no Distrito Eleitoral 24.

A legisladora formou-se pela Plymouth State University na área da Educação e dá aulas no Manchester Community College.

Martins diz ter concorrido para contribuir para um sistema de escolas mais justo, para reduzir o peso da carga fiscal e fortalecer os serviços de saúde pública.

Kathleen Martins diz não haver ainda uma data para a sua tomada de posse oficial.