INVESTIGAÇÃO: Presidente do Paris SG acusado de extorsão

Nasser Al-Khelaifi, presidente do Paris Saint-Germain e da Associação Europeia de Clubes estará alegadamente envolvido num caso de extorsão a um empresário franco-argelino.

De acordo com a investigação do jornal francês ‘Libération’, o líder o PSG terá utilizado meios ilícitos para recolher informações sensíveis a Tayeb B., empresário de 41 anos.

A mesma fonte indica que este mesmo empresário, que esteve detido do Qatar entre Janeiro e Novembro de 2020, tinha informações que ligavam Nasser Al-Khelaifi ao plano de eleição irregular do Qatar como país organizador do Campeonato do Mundo de 2022. 

A mesma fonte indica que a detenção de Tayeb B. foi ordenada pelo próprio emir do Qatar.

Este empresário terá sido libertado após ter alegadamente sido alvo de forte pressão psicológica, e que o terá levado a assinar um acordo de confidencialidade preparado pelos advogados de Nasser Al-Khelaifi.