MÁRIO TORRES: Antigo jogador da Académica faleceu aos 88 anos

137

O antigo jogador da Académica Mário Torres faleceu aos 88 anos de idade, anunciou ontem a Académica – Organismo Autónomo de Futebol, que considera ter perdido uma das suas maiores “lendas do futebol”.

O atleta nascido em Huambo (Angola) chegou a Coimbra em 1949 para estudar medicina, tendo vestido as cores da ‘briosa’ durante 16 temporadas.

Integrou os juniores da Académica, nos quais se sagrou campeão nacional, e praticou atletismo, enquanto tirava a licenciatura.

Na época desportiva 1950/51 estreou-se na equipa principal dos “estudantes”, tornando-se de imediato “indiscutível no centro da defesa”, refere o clube em comunicado.

Totalizou 373 jogos e 32 golos de camisa negra ao peito, tendo “sido um dos jogadores mais influentes da ‘briosa’, a qual capitaneou por inúmeras vezes após a passagem de Mário Wilson para treinador”.

Internacional A por cinco vezes, Mário Torres abandonou os relvados no dia 3 de Abril de 1966 numa partida frente ao Beira-Mar e passou a dedicar-se por inteiro à medicina, tendo sido director da maternidade dos Hospitais da Universidade de Coimbra.

“O desaparecimento do Dr. Mário Torres significa uma perda irreparável para a Académica”, conclui o comunicado do clube de Coimbra.