NEWARK. Está em marcha iniciativa para pôr de novo a Ironbound Ambulance Squad a salvar vidas

Por HENRIQUE MANO | News Editor

Está em marcha uma iniciativa para voltar a pôr na rua os voluntários da Ironbound Ambulance Squad (IAS). Apesar das mais de sete décadas de actividade em prol do Bairro Leste e dos seus moradores, a organização de técnicos de primeiros-socorros voluntários – que chegou a dar resposta a uma média de 5 mil ocorrências, nem sempre se circunscreveu ao Ironbound – levando a sua mão amiga e os seus serviços a outras zonas da cidade, sempre que necessário e possível.

Foto: JORNAL LUSO-AMERICANO | A equipa envolvida no esforço de recuperação da IAS: da dir.., o médico hospitalista Jimmy Paulo, a secretária administrativa Ângela Anemoyanis, o presidente Manny Oliveira, vereador Michael Silva, Maria de Almeida (University Hospital) e bombeiro Eddie ‘Boa’ Paulo

Em Janeiro de 2020, devido a dificuldades económicas, a IAS foi forçada a interrompe actividade, incluindo o seu programa de formação de técnicos socorristas. Em Abril deste ano, tal como o jornal LUSO-AMERICANO à altura noticiou, o University Hospital de Newark desenvolveu uma parceria com a IAS, transformando a sua sede do 399 da New York Avenue numa estação-satélite de ambulâncias – numa tentativa de fazer chegar serviços de emergência de qualidade ao Ironbound.

A parceria contribui igualmente para que o serviço voluntário de ambulâncias volte a ter meios financeiros e logísticos para operar. “Estou profundamente agradecido ao Universal Hospital por esta oportunidade, uma vez que, ao fazerem uso das nossas instalações, também chegam com mais rapidez e eficiência a quem precisa”, afirma o luso-americano Manny Oliveira, presidente da IAS, notando: “contudo, o nosso objectivo primordial é voltar as ver as nossas ambulâncias vermelhas e brancas novamente a operar.”

Foto: JORNAL LUSO-AMERICANO | Aspecto das instalações da Ironbound Ambulance Squad, no 399 da New York Avenue, à Gotthart St.

Face ao crescimento galopante do Ironbound, visível um pouco por todas as esquinas onde crescem novas torres, cada vez é mais urgente reactivar a IAS, cujo papel no sector da saúde pública é amplamente conhecido (e apreciado). Um grupo de figuras ligadas ao sector pretende pôr em marcha um plano que, a curto prazo, inclua o recrutamento de novos voluntários, financiamento para bolsas de estudo para formação de técnicos socorristas e para as actividades diárias da organização.

“Tendo começado aqui a minha carreira no campo médico, pude observar in loco o impacto positivo da IAS junto da comunidade”, diz o hospitalista Jimmy Paulo, director médico da IAS. “Encorajo todos os nosso jovens a fazerem serviço voluntário aqui connosco; verão indubitavelmente quão gratificante é servir os outros desinteressadamente.”

Foto: JORNAL LUSO-AMERICANO | A Ironbound Ambulance Squad: desde 1952 a servir os moradores do Bairro Leste

O grupo de figuras envolvidas nesta iniciativa conta, numa primeira fase, com o bombeiro Eddie ‘Boa’ Paulo, o médico hospitalista Jimmy Paulo, o presidente da IAS Manny Oliveira, a secretária administrativa Ângela Anemoyanis e o vereador Michael Silva, do Bairro Leste. O primeiro evento de angariação de fundos vai decorrer dia 14 de Outubro de 2022, a uma sexta-feira, no PISC (Portuguese Instructive Social Club) da cidade de Elizabeth, NJ. Será um evento divertido, inspirado na década de 80, com a participação dos DJ’s Unlimited e do artista Coro. “Para que este programa de relançamento da IAS resulte, encaramos dois desafios”, observa o bombeiro Eddie Boa Paulo: “primeiro, encontrar novos voluntários e, segundo, construir uma base sólida financeira para nos mantermos. Esperemos que esta festa nos garanta algum alívio económico, ao mesmo tempo que divulgamos a existência da nossa organização e dos nossos propósitos.”

Ângela Anemoyanis, por seu lado, lembra que a IAS “imprimiu já uma marca histórica na comunidade, não apenas salvando vidas, mas servindo de plataforma educacional para muitos jovens. Espero poder continuar a dar a minha colaboração.”

Foto: JORNAL LUSO-AMERICANO | A equipa envolvida no esforço de recuperação da IAS: da dir.., o médico hospitalista Jimmy Paulo, a secretária administrativa Ângela Anemoyanis, o presidente Manny Oliveira, vereador Michael Silva, Maria de Almeida (University Hospital) e bombeiro Eddie ‘Boa’ Paulo

Para o vereador Michael Silva, que cresceu e vive no Ironbound, “a segurança e o bem-estar físico da nossa comunidade é da máxima importância. Comprometo-me desde já a fazer com que a IAS consiga todo o apoio necessário para continuar a servir os nossos moradores e a comunidade empresarial. Devíamos todos apoiar esta causa, pelo bem comum.”

O político, que serviu a comunidade como agente-detective durante 18 anos, deixa ainda um apelo para que tanto o empresariado como o cidadão comum contribua com um donativo através de uma campanha GoFundMe criada para o efeito no portal: ironboundambulance.org.

Os donativos podem ainda ser enviados pelo correio para: Ironbound Ambulance Service, P.O. Box 5022, Newark, NJ 07105.

Nas instalações da IAS, três vezes por semana (segundas, quartas e sextas), encontra-se uma profissional do University Hospital de ligação à comunidade, Maria de Almeida, que pode ser contactada pelo telefone (973) 943-8202. “Qualquer paciente que precise de ajuda em algum assunto ligado ao University Hospital, pode contar comigo.”