ABERTURA OFICIAL DA LOJA DE SAPATOS DE ARMANDO CABRAL NO ROCKEFELLER CENTER

Por HENRIQUE MANO | News Editor | Nova Iorque

O modelo e desenhador de sapatos Armando Cabral, de 40 anos, recebeu dezenas de convidados terça-feira na sua loja de sapatos em Nova Iorque, para uma recepção que deu o mote à abertura do espaço. A boutique está localizada no icónico edifício do Rockefeller Center, no coração de Manhattan, em frente ao emblemático Radio City Music Hall e a poucos espaços da entrada para os estúdios da NBC.

Foto: JORNAL LUSO-AMERICANO | O desenhador de sapatos e modelo Armando Cabral em frente à sua loja no Rockefeller Center, em Nova Iorque

Entre as presenças destacáveis, contavam-se a cônsul-geral de Portugal em Nova Iorque, Luísa Pais Lowe, o actor norte-americano Malik Yoba, da série “Empire” (e cliente da marca Armando Cabral) e os modelos Malick Bodian e Fernando Cabral.

“Para mim, isto é um marco muito importante na minha carreira, como empresário e designer, porque foi um sonho que sempre tive de um dia ter uma loja aqui em Nova Iorque, onde tudo começou – e finalmente consegui”, afirma Armando Cabral, em entrevista ao jornal LUSO-AMERICANO.

Foto: JORNAL LUSO-AMERICANO | Armando Cabral com a cônsul-geral de Portugal em Nova Iorque, o delegado dsa AICEP João Mota Pinto e técnicos da delegação em Nova Iorque

Natural da Guiné-Bissau mas a viver em Portugal desde tenra idade, Armando Cabral tem uma bem sucedida carreira como modelo, tendo-se estreado ao lado da top-model Helena Christensen. Já desfilou e fotografou para as maiores marcas e casas de moda do mundo, da Louis Vuitton à Dior Homme, passando por Thierry Mugler, Emanuel Ungaro, Paul Smith, Michael Kors, Alexander McQueen, Benetton, Levi’s, etc. Fotografado por gigantes da moda como Mario Testino, Cabral, que chegou a ocupar o 26.º lugar na lista dos 50 melhores manequins do mundo, é o rosto da campanha de Outono/Inverno deste ano da Gucci.

O agora também empresário espera poder vir a multiplicar as lojas pelos EUA e Europa, continuando a vender os seus sapatos para homem em grandes armazéns nova-iorquinos como Saks Fifth Avenue e Nordstrom e nas plataformas digitais.

Foto: JORNAL LUSO-AMERICANO | Aspecto interior da loja

O modelo descreve a marca como uma fusão entre África e Portugal. “É um conceito que mistura a herança africana à produção europeia, e ambas as cosias fazem parte de mim. Tenho sempre de contar essas duas histórias”, refere.

A loja, no 30 da Rockefeller Plaza, vende sapatos e acessórios para homem e serve ainda de montra para marcas emergentes de outros designers africanos.

Foto: JORNAL LUSO-AMERICANO | Armando Cabral e o irmão Fernando, também modelo profissional

O modelo Fernando Cabral, que faz igualmente carreira internacional, fala com entusiasmo do projecto do irmão: “é algo que parecia impossível, um sonho tornado realidade para ele. Acho que merece, pelo trabalho que investiu na marca, a dedicação, todo o esforço, digamos que isto agora é a recompensa.”

Adianta Fernando Cabral: “conseguir estar aqui no centro de Nova Iorque com uma loja no Rockefeller Center, é algo gigantesco. Isto é a prova de que, quando se trabalha, e se tem dedicação, o teu talento também fala por ti e acabas por também conseguir atingir os teus objectivos. E foi o que aconteceu.”

Foto: JORNAL LUSO-AMERICANO | Um dos modelos assinados por Armando Cabral

Sobre a sua própria carreira de manequim, diz: “Vai de vento em popa, sempre a trabalhar. Está a ser uma grande jornada e é para comtinuar.”

Leave a Reply

Your email address will not be published.