EUA | Luso-americanos são 10% da força policial no Município de Naugatuck, CT

626

A presença luso-americana nas fileiras da polícia em Naugatuck, estado de Connecticut, reflecte a influência que a comunidade portuguesa mantém neste município do condado de New Haven com cerca de 32 mil habitantes.

O português é língua corrente na esquadra da Spring Street, onde trabalham um sargento, um detective e quatro agentes de origem lusa. No departamento com cerca de 60 servidores públicos em defesa da lei e da ordem, 10% da força policial é composta por luso-descendentes.

Localizado em ambas as margens do rio Naugatuck, o município do mesmo nome criou a sua polícia própria em 1893; o crescimento da região, sobretudo no período da Revolução Industrial, atraiu à zona um fluxo dinâmico de imigração portuguesa, oriunda sobretudo da vila da Murtosa, distrito de Aveiro.

A vida lusa continua a ser marca importante em Naugatuck, onde tem sede o Clube ‘União Portuguesa’; o município também enviou para Hartford uma deputada estadual (Rosa Rebimbas) e conta com um vereador (Jack de Oliveira). Essa vitalidade está ainda presente no seio da sua polícia, que soube reconhecer a necessidade de empregar agentes que pudessem dar voz à comunidade.

O LUSO-AMERICANO foi conhecê-los e conta a sua história.

• Para mais pormenores, ASSINE a edição online. Ou compre a edição impressa de 4ª feira, 3 de Abril de 2019.