A situação de emergência nacional criada pela pandemia da COVID-19, não está a poupar nem a Flórida, nem o condado de Flagler – a norte do estado, onde vive uma significativa comunidade portuguesa, concentrada sobretudo na cidade de Palm Coast. Razão por que a Fundação Amaral decidiu accionar mais uma vez o seu braço solitário (a entidade foi criada para atribuir bolsas de estudo a jovens de origem portuguesa mas tem igualmente uma vertente humanitária).

António Amaral, presidente da Dundação com o seu nome: “Há muitas pessoas de idade em isolamento, tanto na comunidade portuguesa como na sociedade americana em geral, e decidimos abrir a Fundação a acções de ajuda”

“Há muitas pessoas de idade em isolamento, tanto na comunidade portuguesa como na sociedade americana em geral, e decidimos abrir a Fundação a acções de ajuda”, afirma o seu presidente, António Amaral. “Afinal, a comunidade também tem ajudado a manter a Fundação desde 2006, quando foi criada.”

É durante as épocas do Natal e do Dia de Acção de Graças que a Fundação António Amaral faz chegar cabazes de víveres a famílias e indivíduos necessitados, mas António Amaral decidiu que a situação actual é suficientemente grave para voltar a accionar donativos.

Para contactar a Fundação, é favor ligar para (386) 931-4670 ou para (386) 445-9393

“Quem estiver a passar necessidades e precisar de ajuda ou alguém que saiba de alguém nessa situação, é favor entrar em contacto connosco”, afirma António Amaral. “Nós depois decidiremos em que base será feita essa ajuda.”

Para além de alimentos, a Fundação poderá ainda facultar produtos de higiene, conforme a disponibilidade existente dos mesmos.

A Fundação, que tem a sua festa anual agendada para 14 de Maio (“iremos determinar se é cancelada ou não”, diz Amaral), já atribuiu cerca de 400 mil dólares em bolsas de estudo.

Para contactar a Fundação, é favor ligar para (386) 931-4670 ou para (386) 445-9393.