IMIGRANTE DE CALDAS DA RAINHA RECORRE À GRAVIDEZ POR SUBSTITUIÇÃO PARA DAR UMA FILHA AO CUNHADO

236

Por HENRIQUE MANO | Jornal LUSO-AMERICANO

No dia 10 de Dezembro de 2019, Sónia Tomás Sousa deu entrada na maternidade do hospital de Danbury, estado de Connecticut. A emigrante, natural de Caldas da Rainha, ia dar à luz pela quarta vez; perto dos 43 anos, estava ciente de que poderia já ser uma gravidez de risco. Mas Sónia avançou para a sala de parto determinada a dar vida a mais um ser humano.

“Na altura só quis o meu marido presente”, conta, em entrevista ao jornal LUSO-AMERICANO. “A criança nasceu de forma natural. Eu própria cortei o cordão umbilical. Olhei para a bebé, sorri e disse-lhe: Olá, eu sou a tua tia.”

Para mais pormenores, ASSINE a edição online.